Twitter RSS
Close

Palmeiras 0 (2) x (3) 0 Al Ahly (EGT) – 11/02/2021

O jogador Luan, da SE Palmeiras, disputa bola com o jogador, do Al Ahly SC, durante partida válida pelo terceiro e quarto lugar, da Copa do Mundo de Clubes da FIFA 2020, no Estádio Education City. (Foto: Cesar Greco)

Em partida valendo a 3ª colocação no Mundial, o Palestra enfrentou o campeão africano e acabou empatando no tempo normal.

Novamente sem se encontrar em campo, o Verdão fez um primeiro tempo muito ruim e não criou nenhuma chance aguda.

Um pouco melhor na etapa final, teve mais posse de bola e volume de jogo mas não conseguiu fazer o gol.

Nos pênaltis Ronny, Luís Adriano e Felipe Melo erraram.

gora o Verdão retorna ao Brasil para encerrar a participação no Brasileirão e para disputar o título da Copa do Brasil. O próximo jogo será já no domingo (14/2) contra o Fortaleza, em casa, às 18h15.

Partida válida pela disputa do 3º lugar do Mundial de Clubes 2020.

FICHA TÉCNICA

Local: Estádio Education City, Doha (Catar)
Data: 11/02/2021, quinta-feira
Hora: 12h00 (de Brasília, 18h local)
Árbitro: Maguette Ndiaye (SEN)
Assistentes: Djibril Camara (SEN) e El Hadji Samba (SEN)
Público: –
Renda: –
Cartões amarelos: Weverton, Willian, Patrick de Paula (PAL)
Nos pênaltis: 3 a 2 para o Al Ahly

Palmeiras: Weverton; Mayke, Luan, Gustavo Gomez e Matias Viña; Felipe Melo, Patrick de Paula (Danilo) e Raphael Veiga (Gabriel Menino); Willian (Gustavo Scarpa), Rony e Luiz Adriano
Técnico: Abel Ferreira

Al Ahly: El Shenawy; Hany, Banoun, Ayman e Ibrahim; Fathi, El Soleya e Afsha (Sherif); Akram (Dieng), Bwalya (Ajayi) e Taher (Mohsen)
Técnico: Mosimane

Lance!Globo EsporteTerra Esportes.

Por Eduardo Luiz
11/02/2021, 14h13

Mesmo modificado, time de Abel Ferreira não conseguiu se impor e empatou sem gols no tempo regulamentar. Nos pênaltis, deu Al Ahly por 3 a 2.

Primeiro tempo

Com 4 mudanças no time titular – Mayke, Patrick de Paula, Felipe Melo e Willian, o Palmeiras iniciou o jogo mostrando mais vontade em relação à semifinal. Logo aos 16 segundos Willian finalizou cruzado, para fora, mas o assistente assinalou impedimento. Aos 10 minutos, após rebote em cobrança de escanteio, Rony tentou de voleio, nas mãos do goleiro.

O ímpeto alviverde, no entanto, foi diminuindo na medida que o Al Ahly foi entrando no jogo. Após um período sem nenhuma emoção, a equipe do Egito quase abriu o placar aos 25 minutos depois de um erro de Felipe Melo, que perdeu a bola para El Soleya na entrada da área; o adversário chutou à direita de Weverton. Aos 27 Raphael Veiga arriscou de direita, sem perigo.

O jogo era equilibrado. Aos 30 minutos Bwalya dominou no peito, girou pra cima de Gómez e bateu por cima do travessão. Aos 32, após outro rebote de escanteio, Rony chutou forte e assustou a meta de El Shenawy. Aos 37 minutos Afsha recebeu nas costas de Luan e balançou a rede, mas pelo lado de fora.

Nos minutos finais da etapa inicial o Palmeiras criou as melhores oportunidades. Aos 39 Viña cruzou, Rony cabeceou no canto esquerdo baixo do goleiro, que foi buscar. Na cobrança do escanteio executada pelo camisa 11, Luiz Adriano ganhou da defesa pelo alto mas escorou nas mãos de El Shenawy.

Segundo tempo

No segundo tempo o Verdão voltou no mesmo ritmo do final da etapa inicial, ou seja, tentando abrir o placar. Aos 5 minutos Willian tocou para Rony bater forte, mas um zagueiro conseguiu cortar. Aos 7, Mayke fez boa jogada individual e cruzou para Patrick de Paula dividir com seu marcador e escorar para fora.

A exemplo do que aconteceu no primeiro tempo, no entanto, depois dos 10 minutos o ritmo do time caiu, foi quando o Al Ahly aproveitou para equilibrar as ações. Aos 21 a equipe egípcia abriu o placar com Ajayi, mas ele estava impedido após rebote de Weverton em finalização de El Soleya.

Após um longo deserto de emoções, o Palmeiras voltou a incomodar a meta do Al Ahly aos 34 minutos: Patrick de Paula brigou pela bola na entrada da área, ganhou, e bateu cruzado, à esquerda do goleiro. No minuto seguinte enfim o técnico Abel Ferreira mexeu no time: Veiga, Patrick de Willian deram lugar a Scarpa, Danilo e Gabriel Menino, respectivamente.

Mesmo com as alterações, o Verdão não conseguiu mais se aproximar do gol que valeria a vitória, mas também não foi ameaçado. Com o empate, a decisão do terceiro lugar do Mundial foi para as penalidades.

Pelo Palmeiras, apenas Scarpa e Gómez converteram (Rony, Luiz Adriano e Felipe Melo perderam), enquanto que o Al Ahly converteu 3 das 5 cobranças (Weverton defendeu uma); final 3 x 2 para os egípcios. Com o 4º lugar, o Palmeiras recebe uma premiação de apenas 2 milhões de dólares da Fifa (R$ 10,7 mi).

Agora o Verdão retorna ao Brasil para encerrar a participação no Brasileirão e para disputar o título da Copa do Brasil. O próximo jogo será já no domingo (14/2) contra o Fortaleza, em casa, às 18h15.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.