Twitter RSS
Close

Comercial 0 x 2 Palmeiras – 23/01/2014

index

(Foto: Silva Junior/Folhapress)

Não foi uma apresentação lá grandes coisas. Num gramado bastante ruim e sob bastante calor fizemos o placar ainda no primeiro tempo e tiramos o pé.

O Comercial ensaiou alguma reação, mas nada que comprometesse a estréia de Lúcio na zaga.

3 pontos na conta.

Jogo válido pela 2ª rodada do Paulistão 2014.

Gols, melhores momentos.

FICHA TÉCNICA

Local: Dr. Francisco de Palma Travassos, Ribeirão Preto (SP)
Data: 23/01/2014
Horário: 21h (de Brasília)
Árbitro: Welton Orlando Wohnrath
Auxiliares: Marco Antônio Gonzaga da Silva e Renata Ruel Xavier de Brito
Público: 8.815 pagantes
Renda: R$ 420.415,00
Gols: Juninho, aos 13 e Wesley aos 37 minutos do primeiro tempo
Cartões amarelos: Marcus Winícius (Comercial)

Comercial: Júlio Sérgio; Graffite (Leandrinho), Edimar, Reniê e Wilian Simões; Xaves, Marcus Winícius e Cacá (Leandro Oliveira); Cassiano Bodini, Marcelo Toscano e Macena (Rodrigo)
Técnico: Toninho CecílioPalmeiras: Fernando Prass; Wendel, Lúcio, Henrique e  Juninho (William Matheus); Marcelo Oliveira, Renato (França), Wesley (Felipe Menezes) e Mazinho; Serginho e Alan Kardec
Técnico: Gilson Kleina

Por Eduardo Luiz, da Redação PTD – 23/01/2014 – 22:51h.
Verdão bate o Comercial em Ribeirão Preto
Com gols de Juninho e Wesley, Palmeiras faz 2 a 0 fora de casa e vai a 6 pontos.
Com Lúcio estreando, o Verdão viu o jogo começar muito pegado. O Comercial mostrava muita vontade na marcação, dificultando a vida do time do técnico Gilson Kleina. Aos 5 minutos os mandantes ainda tentaram surpreender com Cacá, mas o chute do meia saiu por cima.

Aos 13, na primeira descida ao ataque, o Palmeiras acabou abrindo o placar. Após cobrança de lateral executada por Wendel, Kardec resvalou de cabeça, Serginho não alcançou mas na sobra Juninho estava atento: 1 a 0. O gol deu novo ritmo à partida, pois obrigou o Comercial a se abrir. Aos 16 Serginho cruzou, a bola ganhou efeito e quase enganou o goleiro.

O Comercial conseguiu responder aos 17, num chute de Marcelo Toscano de longe que Fernando Prass encaixou. Aos 20 minutos o Verdão chegou a segundo gol com Serginho, mas a assistente anulou assinalando impedimento, que não existiu. Aos 27 Macena cobrou falta e fez Prass praticar uma boa defesa.

O grandalhão atacante do Comercial seguiu dando trabalho para o sistema defensivo alviverde. Aos 33 ele girou pra cima de Lúcio e finalizou, mas Prass estava atento. Aos 34 Renato fez boa jogada pela direita e cruzou para Alan Kardec finalizar forte, para fora, rente à trave esquerda do goleiro.

Jogando bem, o Verdão ampliou a vantagem aos 37 minutos (desta vez a arbitragem permitiu); Kardec marcou a saída de bola do Comercial, conseguiu um toque para Wesley que de primeira soltou a bomba. Golaço: 2 a 0. Os mandantes tentaram reagir ainda no primeiro tempo, mas só levaram perigo aos 43 numa bola cruzada de Macena que Wendel afastou, quase marcando contra.

Na etapa final, talvez por cansaço, o Palmeiras voltou num ritmo mais cadenciado, disposto a segurar o placar, o que possibilitou ao Comercial criar algumas chances para descontar. Aos 6 minutos Cassiano fintou Wendel e finalizou por cima. Aos 18 William Simões bateu falta, sem perigo para Prass.

Aos 20 minutos Rodrigo Jejus experimentou da entrada da área e viu a bola passar perto do travessão. O Verdão só foi chegar ao ataque aos 21, mas o chute de Renato saiu até do estádio. Aos 26 Cassiano bateu de longe mas parou em Prass.

Satisfeito com o resultado, o Palmeiras levou real perigo à meta de Julio Sergio apenas aos 29 minutos, quando Alan Kardec rolou para William Matheus bater cruzado; por pouco Felipe Menezes não alcançou. A essa altura Kleina já tinha promovido as três alterações; além de William Matheus e Felipe Menezes, França entrou no lugar de Renato.

Ns quinze minutos finais o gás do Comercial também acabou, e as duas equipes ficaram fazendo figuração até o apito final do árbitro. Com a vitória o Palmeiras vai a 6 pontos mas não assume a liderança do Grupo D pelo saldo de gols; tem um a menos que o Bragantino (4 a 3).

Domingo, em outro jogo fora de casa e possivelmente com o reforço de Valdivia, o Verdão enfrentará o Atlético Sorocaba. A partida será às 17h.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.