Twitter RSS
Close

Palmeiras 0 x 0 Grêmio Prudente – 29/05/2010

Pierre, Ewerthon e Vinícius reclamaram muito após gol anulado no primeiro tempo. Foto: UOL

Após a derrota da última rodada, o Verdão foi a Barueri (temporariamente sua nova casa enquanto reforma o Palestra Italia) e não conseguiu reagir no campeonato.

Os comandados de Jorge Parraga pareciam à vontade e dominaram a partida, porém, o elenco falhou ao não conseguiu furar a defesa do rival. Quando conseguiu, o gol foi anulado dando margem para muitos questionamentos. Ewerthon que estava impedido não participou da jogada.

Com o resultado, os palmeirenses chegam a oito pontos no campeonato.

Jogo válido pela 5ª rodada do Brasileirão.

FICHA TÉCNICA

Local: Arena Barueri, em Barueri (SP)
Data: 29 de maio de 2010, sábado
Horário: 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Cleber Welington Abade (SP)
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho (Fifa-SP) e Anderson José de Moraes (SP)
Cartões Amarelos: Rodrigo Mancha (Grêmio Prudente)

PALMEIRAS: Marcos, Vitor, Maurício Ramos, Danilo e Gabriel Silva (Eduardo); Pierre, Márcio Araújo, Cleiton Xavier e Lincoln (Paulo Henrique); Ewerthon e Vinícius (Ivo)
Técnico: Jorge Parraga (interino)

GRÊMIO PRUDENTE: Márcio; Paulão, Leonardo e Diego; Sasha, João Vítor, Rodrigo Mancha, Wesley (Tadeu) e Marcelo Oliveira; Flavinho (Carlos Eduardo) e Wanderley (Henrique Dias)
Técnico: Toninho Cecílio

globoesporte.com, Portal Terra, Estadao, Folha Online.

De casa nova, Palmeiras não sai do zero com o Prudente, em Barueri

Alviverde aluga Arena Barueri para mandar seus jogos, mas não consegue furar a defesa do time comandado por seu ex-diretor Toninho Cecílio

O Palmeiras parecia à vontade, como se estivesse em casa. Atacou e teve o apoio dos poucos torcedores que se arriscaram a acompanhar o jogo contra o Grêmio Prudente na noite fria deste sábado. Mas, na primeira partida como mandante fora do Palestra Itália – interditado para dar lugar a uma moderna arena em dois anos – o time falhou e não conseguiu furar a defesa do rival, que foi dono da Arena Barueri até o fim do ano passado – quando se chamava Grêmio Barueri. Apesar de dominar a partida, o Alviverde não saiu do 0 a 0 com o time interiorano, em confronto válido pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro (assista ao vídeo dos melhores momentos do jogo).

Com o resultado, os palmeirenses chegam a oito pontos, mas comprometem seu plano de conseguir acumular “gordura” no Nacional até a parada para a Copa do Mundo. O Prudente, time comandado por Toninho Cecílio, ex-gerente de futebol do Palmeiras e que foi cumprimentado por quase todos jogadores alviverdes antes do jogo, abandona momentaneamente a zona de rebaixamento do Brasileirão, com cinco pontos.

Na próxima rodada, o Palmeiras enfrenta o Flamengo, no Pacembu, às 21h50m de quarta-feira (de Brasília). Já o Grêmio Prudente recebe o Atlético-GO, no Prudentão, no mesmo dia às 19h30m.

Palmeiras pressiona, mas gol não sai

Jogando pela primeira vez fora do Palestra Itália como mandante na Arena Barueri, o Palmeiras mostrou-se bastante à vontade na “nova casa”. Desde os primeiros minutos, o Alviverde tomou conta da partida e levou perigo ao goleiro Márcio. Tanto que logo aos seis minutos Cleiton Xavier bateu falta e obrigou o camisa 1 do time prudentino a se esticar todo para afastar.

Dois minutos depois foi a vez de Vitor assustar o bom goleiro do time interiorano. O lateral destro ajeitou a bola com o pé direito e arrematou com o esquerdo, obrigando Márcio a fazer nova defesa. Aos 14, o Palmeiras chegou a colocar a bola na rede do Prudente, mas o juiz anulou. Depois de cobrança de escanteio, Maurício Ramos arrematou para o gol, mas Cléber Wellington Abade alegou que Ewerthon, atleta que estava impedido, mas não participava da jogada, atrapalhou a visão de Márcio.

O Prudente vivia de contragolpes esporádicos. Quando tinha a bola nós pés, o time de Toninho Cecílio atacava mais pelo lado direito, onde Sasha encontrava mais facilidade para descer. Sem a bola, a equipe do interior paulista se fechava com os três zagueiros, segurando inclusive os dois laterais. A melhor chance do time que já foi o “dono” da Arena Barueri – quando levava para campo o nome da cidade da Grande São Paulo – foi com Marcelo Oliveira, aos 42 minutos, que cobrou falta rente ao gol de Marcos.

– Temos de manter este ritmo ou até melhorar porque ainda está 0 a 0 e temos chances de conseguirmos a vitória – disse o atacante Ewerthon, na saída para o intervalo.

Empate sem gols persiste

Apesar de seguir dominando a partida, o Palmeiras teve mais dificuldades no segundo tempo para arriscar contra a meta de Márcio. As duas chances que teve foram com o zagueiro Maurício Ramos, depois de lances de bola parada. Aos seis minutos, o defensor cabeceou para fora. Aos 12, arrematou da grande área, depois de cobrança de falta, e viu a bola passar bem perto do travessão do arqueiro do Prudente.

Para conseguir melhorar o sistema ofensivo, Parraga trocou Lincoln, meia que ajudava na armação do time com Cleiton Xavier, e colocou o atacante Paulo Henrique. Na primeira oportunidade que teve, aos 22 minutos, o avante chutou fraco e torto, para fora.

O Prudente, que vivia de ataques ocasionais, teve o lance mais perigoso do jogo, aos 27 minutos. Tadeu passou fácil pelos defensores e lançou Wanderley. O camisa 9 deu um toque leve e chegou a encobrir Marcos. Mas ele não contava com o zagueiro Danilo, que tirou a bola em cima da linha, salvando os palmeirenses.

Com o passar do tempo, o Alviverde passou a atacar de forma desordenada, fruto da ansiedade por conseguir a vitória. Além de desperdiçar as chances que tinha, o time ainda parava na boa defesa do Prudente, que conseguia segurar o ímpeto rival.

Nos minutos finais, Cleiton Xavier teve a chance de tirar o zero do placar em cobrança de falta. Mas a bola foi para fora, acertando somente os entulhos do local onde está sendo construída a nova arquibancada da Arena Barueri.

===============================================

PONTOS GANHOS VITÓRIAS EMPATES DERROTAS
Em casa 7 Em casa 2 Em casa 1 Em casa 0
Fora de casa 1 Fora de casa 0 Fora de casa 1 Fora de casa 1
TOTAL 8 TOTAL 2 TOTAL 2 TOTAL 1
GOLS FEITOS GOLS SOFRIDOS
Em casa 5 Em casa 2
Fora de casa 0 Fora de casa 1
TOTAL 5 TOTAL 3
GOLS FEITOS NO 1º TEMPO GOLS FEITOS NO 2º TEMPO
Até os 15 minutos 1 Até os 15 minutos 1
Dos 16 aos 30 minutos 1 Dos 16 aos 30 minutos 1
Dos 31 aos 45 minutos 0 Dos 31 aos 45 minutos 1
Depois dos 45 minutos 0 Depois dos 45 minutos 0
TOTAL 2 TOTAL 3
GOLS SOFRIDOS NO 1º TEMPO GOLS SOFRIDOS NO 2º TEMPO
Até os 15 minutos 0 Até os 15 minutos 2
Dos 16 aos 30 minutos 0 Dos 16 aos 30 minutos 0
Dos 31 aos 45 minutos 1 Dos 31 aos 45 minutos 0
Depois dos 45 minutos 0 Depois dos 45 minutos 0
TOTAL 1 TOTAL 2
COMO FORAM OS GOLS MARCADOS COMO FORAM OS GOLS SOFRIDOS
Com o pé (dentro da área) 4 Com o pé (dentro da área) 2
Com o pé (fora da área) 0 Com o pé (fora da área) 0
Cabeça 1 Cabeça 1
Pênalti 0 Pênalti 0
Falta 0 Falta 0
Olímpico 0 Olímpico 0
Contra 0 Contra 0
Outros 0 Outros 0
Col. Colocação na Tabela PG J V E D GP GC SG
Palmeiras 8 5 2 2 1 5 3 2
DESEMPENHO
10ª 11ª 12ª 13ª 14ª 15ª 16ª 17ª 18ª 19ª
20ª 21ª 22ª 23ª 24ª 25ª 26ª 27ª 28ª 29ª 30ª 31ª 32ª 33ª 34ª 35ª 36ª 37ª 38ª

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.