Twitter RSS
Close

Palmeiras 5 x 0 Bolívar (BOL) – 30/09/2020

O jogador Willian, da SE Palmeiras, comemora seu gol contra a equipe do C Bolívar, durante partida válida pela fase de grupos, da Copa Libertadores, na arena Allianz Parque. (Foto: Cesar Greco)

Percisando apenas de um ponto para garantir a presença nas oitavas da competição, o Palestra recebeu a equipe Boliviana em seus domínios.

Após abrir o marcador logo no começo da etapa inicial, os comandados de Luxemburgo voltaram a repetir os velhos erros e encontraram dificuldades para articular jogadas e ampliar o marcador.

Ao voltar para a etapa complementar o Verdão voltou com uma pegada diferente com ímpeto e acabou construíndo a goleada de forma natural.

Com a goleada o Palmeiras vai a 13 pontos e garante classificação às oitavas de final da Libertadores com uma rodada de antecedência.

Jogo de volta valido pela 5ª rodada da fase de grupos da Libertadores 2020.

FICHA TÉCNICA

Local: Allianz Parque, São Paulo (SP)
Data: 30/09/2020, quarta-feira
Horário: 19h15 (de Brasília)
Árbitro: Leodan Gonzalez (URU)
Assistentes: Nicolas Taran (URU) e Richard Trinidad (URU)
Público: (portões fechados)
Renda: –
Cartões amarelos: Weverton, Gustavo Gomez (PAL); Fernandez (BOL)
Gols: Willian, aos 2 minutos do primeiro tempo; Wesley, no primeiro minuto do segundo tempo, Viña, aos 13, Raphael Veiga, aos 15, e Rony aos 18 minutos do segundo tempo.

Palmeiras: Weverton; Marcos Rocha (Gabriel Menino), Felipe Melo (Luan), Gustavo Gomez (Vitor Hugo) e Matias Viña; Patrick de Paula (Danilo), Bruno Henrique (Ramires) e Raphael Veiga; Wesley, Rony e Willian
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

Bolívar: Rojas; Bejarano (Quinteros), Jusino, Haquin e Fernandez; Saavedra (Cristhian Machado), Rey (Vaca) e Oviedo; Arce, Emanuel (Cataldi) e Riquelme
Técnico: Claudio Vivas

Lance!Globo EsporteTerra EsportesEstadao.

Continue reading “Palmeiras 5 x 0 Bolívar (BOL) – 30/09/2020”

Bolívar (BOL) 1 x 2 Palmeiras – 16/09/2020

O jogador Gabriel Menino, da SE Palmeiras, comemora seu gol contra a equipe do FC Bolívar, durante partida válida pela fase de grupos, da Copa Libertadores, no Estádio Hernando Siles. (Foto: Cesar Greco)

Na altitude de La Paz, o Palestra foi a campo para um desafio complicado contra a equipe local.

A altitude dificultou bastante a partida. Mesmo assim o Palmeiras criou as melhores chances na etapa inicial e saiu para o intervalo na frente do marcador.

Na etapa complementar Gabriel Menino acertou um petardo e marcou um golaço do meio da rua. Não tem como não lembrar e associar ao gol de Cleiton Xavier em 2009.

O gol despertou os mandantes que foram pra cima e conseguiram descontar.

De forma merecida o Verdão venceu a terceira partida seguida pela fase de grupos e está na liderança da chave com 9 pontos. Os comandados de Luxemburgo estão numa situação bem confortável para classificar-se às oitavas.

Jogo de ida valido pela 3ª rodada da fase de grupos da Libertadores 2020.

FICHA TÉCNICA

Local: Estádio Hernando Siles, La Paz (BOL)
Data: 16/09/2020, quarta-feira
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Piero Maza (CHI)
Assistentes: José Retamal (CHI) e Edson Cisternas (CHI)
Público: (portões fechados)
Renda: –
Cartões amarelos: Gabriel Menino, Zé Rafael, Bruno Henrique e Danilo (PAL)
Gols: Bolívar: Riquelme, aos 21 minutos do segundo tmepo;
Palmeiras: Willian, aos 33 minutos do primeiro tempo, e Gabriel Menino, aos 14 minutos do segundo tempo

Bolívar: Javier Rojas; Bejarano, Jusino, Gutierrez e Jorge Flores; Oviedo, Christhian Machado (Rey), Saavedra (Anderson Emanuel) e Roberto Fernandez (Abrego); Arce, e Riquelme
Técnico: Claudio Vivas

Palmeiras: Weverton; Marcos Rocha, Luan, Gustavo Gomez e Matias Viña; Ramires (Bruno Henrique), Gabriel Menino, Zé Rafael (Gustavo Scarpa) e Raphael Veiga (Danilo); Rony (Gabriel Veron) e Willian (Vitor Hugo)
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

Lancenet!Globo EsporteTerra EsportesEstadao.

Continue reading “Bolívar (BOL) 1 x 2 Palmeiras – 16/09/2020”

Palmeiras 3 x 0 Bolívar (BOL) – 03/05/1995

ACERVO – Válber, jogador do Palmeiras, comemora o seu gol durante a partida contra o Bolívar, doa Bolívia, válida pela Taça Libertadores da América de 1995 – Estádio Palestra Itália (Parue Antártica) – São Paulo – SP – 03/05/1995 – Foto:Acervo/Gazeta Press

Precisando vencer para reverter o revés do jogo de ida, o Palmeiras recebeu a equipe boliviana no Palestra Itália, venceu bem e carimbou a passagem para as quartas.

Válber abriu o marcador logo no primeiro minuto de jogo. Rivaldo ampliou na segunda etapa e o próprio Válber fechou a conta.

Com a vitória o Verdão foi para as quartas enfrentar o Grêmio.

Jogo de volta válido pelas oitavas de final da Libertadores 1995.

FICHA TÉCNICA

Local: Palestra Itália (Parque Antártica), São Paulo (SP)
Data: 03/05/1995
Árbitro: Eduardo Dluzniewski (Uruguay)
Assistentes:
Público: 21.431
Renda:  232.535,00
Cartões amarelos: Flávio Conceição, Edmundo
Gols: Palmeiras: Válber (1′, 90′), Rivaldo (55′)

Palmeiras: Velloso; Antônio Carlos, Cléber, Roberto Carlos e Paulo Isidoro (Fred); Rivaldo, Amaral, Flávio Conceição e Alejandro Mancuso; Edmundo e Válber
Técnico: Valdir Espinosa

Bolívar (BOL): Thomas N´Kono; Marco Sandy, Wilson Sánchez, Miguel Rimba e Eduardo Jiguchi; Ivan Castillo (Juan Carlos Ruiz), José Milton Melgar (Festus Agu) e Carlos Borja; Juan Carlos Ríos, Vladimir Soria e Luis Cristaldo
Técnico: Ramiro Blacut

Bolívar (BOL) 1 x 0 Palmeiras – 26/04/1995

Na primeira partida das oitavas, disputada em La Paz, os donos da casa se deram melhor. O atacante Miguel Mercado marcou o gol da vitória por 1 a 0 do clube celeste no segundo tempo. Ele arriscou o chute de fora da área, a bola desviou no defensor palmeirense e entrou.

Jogo de ida válido pelas oitavas de final da Libertadores 1995.

FICHA TÉCNICA

Local: Hernando Siles (La Paz-BOL)
Data: 26/04/1995
Árbitro: Epifânio González (PAR)
Público: 33.624
Cartão Amarelo: Mancuso, Paulo Isidoro, Cléber, Antônio Carlos, Roberto Carlos (PAL); Rimba e Jiguchi (BOL)
Gol: Mercado 3 do 2º Tempo.

Bolívar: N’Kono, Jiguchi, Sandy, Rimba e Castillo; Borja, Soria, Cristaldo e Rios; Sánchez (Suarez) e Mercado.
Técnico: Julian Rúbio.

Palmeiras: Velloso, Flávio Conceição, Tonhão, Cléber e Roberto Carlos; Antônio Carlos, Amaral, Mancuso (Maurílio) e Paulo Isidoro; Válber (Fred) e Rivaldo.
Técnico: Valdir Espinosa.