Twitter RSS
Close

Palmeiras 4 x 0 Oeste – 29/01/2020

Lucas Lima e Willian festejam gol do Palmeiras (Foto: Marcos Ribolli)

No terceiro jogo oficial da temporada o Verdão recebeu o ex-Oeste de Itápolis e atual Oeste de Barueri, com algumas novidades em relação a escalação que empatou o Choque-Rei.

Impondo sua superioridade e dominando completamente o adversário desde o primeiro minuto, o Palestra foi muito consistente e construiu o placar ao natural.

Com a nova goleada o Verdão vai a 7 pontos e assume provisoriamente a segunda colocação do Grupo B do Campeonato Paulista.

Jogo válido pela 3ª rodada do Paulistão 2020.

FICHA TÉCNICA

Local: Pacaembu, São Paulo-SP
Data: 29/01/2020 (quarta-feira)
Horário: 19h15 (de Brasília)
Arbitragem: Édina Alves Batista
Auxiliares: Alex Ang Ribeiro e Daniel Paulo Ziolli
Público: 14.748 pagantes (15.409 presentes)
Renda: R$ 445.227,50
Cartões amarelos: Bruno Bispo, Marlon e Éder Sciola (OES); Zé Rafael (PAL)
Gols: Gustavo Scarpa aos 36 minutos do primeiro tempo, e Willian aos 13, aos 20, e 34 minutos do segundo.

Palmeiras: Weverton; Marcos Rocha (Mayke), Luan, Gustavo Gomez e Victor Luiz; Ramires, Zé Rafael e Lucas Lima (Raphael Veiga); Gustavo Scarpa (Wesley), Willian e Gabriel Veron
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

Oeste: Caíque França; Éder Sciola, Sidimar (Betinho), Bruno Bispo e Alyson; Mantuan, Matheus Jussa e Mazinho; Marlon, Roberto e João Paulo (Fabrício Oya)
Técnico: Renan Freitas

Lancenet!Globo EsporteTerra Esportes, Estadao.

Por Eduardo Luiz
29/01/2020, 21h04

Gustavo Scarpa, que estreou na temporada, fez o primeiro, e Willian, em noite inspirada, completou o placar com 3 gols

Com Luan, Zé Rafael, Scarpa e Willian de novidades no time titular, o Palmeiras iniciou o jogo pressionando o Oeste. Aos 3 minutos Marcos Rocha cruzou na cabeça de Zé, que escorou por cima do travessão. Aos 7 Victor Luis foi à linha de fundo e cuzou; a defesa furou e Ramires chutou em cima do zagueiro. Aos 8 minutos mais uma finalização: Veron tocou para Lucas Lima bater fraco, fácil para o goleiro.

Só dava Verdão. Aos 14 minutos Veron arriscou, a defesa bloqueou e na sobra Lucas Lima chutou para fora. Aos 18 Willian fez boa jogada individual na entrada da área, fintou seu marcador e bateu rente à trave direita de Caíque França. A bola ainda desviou e saiu e escanteio, que não resultou em nada.

Aos 25 minutos Gabriel Veron voltou a aparecer bem como garçom, desta vez servindo Willian, que conseguiu tirar do goleiro, mas ficou sem ângulo para finalizar. No lance seguinte Scarpa experimentou um chute colocado da meia-lua e viu a bola passar perto da trave esquerda.

O Oeste só foi conseguir chegar perto da meta de Weverton aos 29 minutos, mas o chute de Marlon não levou perigo. Aos 30, Victor Luis cruzou para Scarpa arriscar de primeira, por cima do travessão. Cinco minutos depois Victor Luis soltou a bomba da intermediária, a bola ganhou efeito, o goleiro deu rebote, Scarpa tentou finalizar, foi bloqueado mas conseguiu ficar com a bola e acabou sofrendo o pênalti. Ele mesmo cobrou e enfim tirou o zero do placar: 1 a 0.

Em vantagem, o Palmeiras manteve o controle total da partida e antes do primeiro tempo terminar, aos 41 minutos, criou mais uma boa chance de gol: Scarpa cruzou e Zé Rafael finalizou de canhota, por cima.

Sem alterações, o Verdão voltou para a etapa final num ritmo mais cadenciando, mas sem deixar o Oeste gostar da partida. Como nada aconteceu até os 10 minutos, Luxa resolveu mudar: Wesley entrou no lugar de Scarpa. No minuto seguinte a primeira chance de gol, mas sem relação com a mudança: Zé Rafael roubou a bola, tocou para Lucas Lima que passou para Willian; o camisa 29 viu Zé entrando livre na área e fez a assistência, mas o camisa 8 não chegou chutando e perdeu a jogada.

O lance serviu para acordar o Palmeiras. Aos 11 minutos Veron chutou de rosca e parou em ótima defesa de Caíque França. Após a cobrança de escanteio, Zé Rafael arriscou de primeira e errou o alvo. Aos 13 minutos Wesley fez boa jogada pela linha de fundo e cruzou; Willian dominou e sem deixar a bola cair bateu de esquerda para fazer um golaço: 2 a 0.

Atrás no placar, o Oeste conseguiu criar uma boa chance para descontar aos 20 minutos: Éder cruzou, a defesa não cortou e Alyson finalizou à direita de Weverton. No contra-ataque o Verdão ampliou: Marcos Rocha percebeu a infiltração de Willian e fez uma linda assistência de três dedos para o atacante, que só teve o trabalho de tirar do goleiro: 3 a 0.

Jogando em ritmo de treino, o Palmeiras seguiu em cima do Oeste. Aos 22 minutos Willian tocou para Wesley bater rasteiro, para fora. Aos 26 Luxa mexeu novamente: Marcos Rocha deu lugar a Mayke. Aos 31 minutos outra chance para Wesley, que pedalou pra cima do zagueiro e chutou forte; o goleiro não segurou mas na sobra a defesa afastou.

Aos 34 minutos Veron tocou para Ramires chutar fraco, fácil para o goleiro. No lance seguinte, aproveitando subida do Oeste, o Verdão armou um contra-ataque letal: Lucas Lima enfiou para Willian marcar o terceiro dele no jogo: 4 a 0. Aos 35 Luxemburgo promoveu a última mexida: Lucas Lima por Raphael Veiga.

Nos minutos finais do segundo tempo, contando os 2 de acréscimo, o Palmeiras trocou passes à espera do apito final. Com a nova goleada o Verdão vai a 7 pontos e assume provisoriamente a segunda colocação do Grupo B do Campeonato Paulista.

O Palmeiras volta a campo às 16h de domingo (02/2) para enfrentar o Red Bull Bragantino, em Bragança Paulista.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.