Twitter RSS
Close

Palmeiras 3 x 2 Ituano – 27/02/2019

Crédito: Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação

A estréia de Ricardo Goulart como titular do time Palestrino foi com uma atuação de gala. Dois gols e um magistral passe para Borja marcar o terceiro tento.

O Palmeiras fez um bom jogo, apesar dos 2 gols sofridos (um deles impedido). O meio de campo funcionou muito bem e viu-se bons passes e boas jogadas.

O sólido sistema defensivo acabou sendo dominado no segundo gol adversário. A jogada envolvente também teve seus méritos.

Com a vitória o Verdão se isola na liderança do grupo com 18 pontos.

Na próxima quarta-feira é Libertadores contra o Junior Barranquilla, na Colômbia.

Jogo válido pela 9ª rodada do Paulistão 2019.

FICHA TÉCNICA

Local: Allianz Parque, São Paulo (SP)
Data: 27/02/2019, quarta-feira
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Lucas Canetto Bellote
Assistentes: Daniel Luis Marques e Fabricio Porfirio de Moura
Cartões amarelos: Borja, Thiago Santos, Diogo Barbosa e Felipe Melo (PAL); Baralhas (ITU)
Público: 20.660 pagantes
Renda: R$ 1.016.331.95
Gols: Palmeiras: Ricardo Goulart, aos 11 e aos 22 minutos do primeiro tempo, e Borja, aos 12 minutos do segundo;
Ituano: Serrato, aos 9, e Morato, aos 29 minutos do segundo tempo

Palmeiras: Prass; Mayke, Antônio Carlos, Edu Dracena e Diogo Barbosa; Felipe Melo, Bruno Henrique (Lucas Lima) e Ricardo Goulart; Carlos Eduardo (Felipe Pires), Dudu e Borja (Thiago Santos)
Técnico: Felipão

Ituano: Pegorari; Jonas, Léo Santos, Ricardo Silva e Peri; Corrêa (Marcelinho), Baralhas (Bassani) e Marcos Serrato; Martinelli, Morato e Ramon (Gui Mendes)
Técnico: Vinícius Bergantin

Jogo completo, PTD, ESPN, jogo completo, Lancenet!Globo Esporte,

PALMEIRAS x ITUANO: ÚLTIMO JOGO NO PALESTRA ITALIA

Curiosamente, desde que o Allianz Parque foi inaugurado, no fim de 2014, o Palmeiras não mandou nenhuma partida diante do Ituano. Os jogos válidos pelas edições de 2015, 2017 e 2018 do Campeonato Paulista foram disputados na cidade de Itu, no estádio Novelli Júnior. Como a casa alviverde passou por período de reforma entre o segundo semestre de 2010 e o início de 2014, o último encontro entre os times no Palestra Italia aconteceu em 24 de janeiro de 2010 e terminou 3 a 3 – os gols do time verde e branco foram marcados por Diego Souza, Robert e Deyvid Sacconi. Naquela oportunidade, a escalação do Verdão foi Marcos; Figueroa, Gualberto, Danilo e Pablo Armero; Pierre, Márcio Araújo, Deyvid Sacconi (Joãozinho), Cleiton Xavier e Diego Souza; Robert.

PALMEIRAS x ITUANO: ÚLTIMO JOGO

Já o confronto mais recente, considerando todos os estádios, aconteceu no dia 11 de março de 2018, no estádio Novelli Júnior, em partida válida pela última rodada da fase de grupos do Campeonato Paulista do ano passado. O Maior Campeão do Brasil venceu por 3 a 0, com gols marcados por Gustavo Scarpa (2) e Fernando. Os dois tentos do dono da camisa 14 alviverde foram os primeiros marcados por ele com a camisa do Palmeiras. Com a vitória, o Verdão garantiu a primeira colocação geral da primeira fase do torneio estadual.

Ricardo Goulart faz 2 gols, e Palmeiras vence Ituano no Paulista antes da estreia na Libertadores

Francisco De Laurentiis

Neste quarta-feira, o Palmeiras recebeu o Ituano em um bom jogo no Allianz Parque e voltou a vencer após dois empates seguidos: 3 a 2, em duelo válido pela 9ª rodada do Campeonato Paulista.

O destaque da noite foi o meia-atacante Ricardo Goulart, que recebeu sua primeira chance como titular do técnico Luiz Felipe Scolari.

Atuando como armador na primeira etapa, ele “gastou a bola” e marcou dois gols logo de cara, um aproveitando bate-rebate e outro testando bonito um ótimo cruzamento de Mayke.

Na segunda etapa, ele deu linda assistência para Borja marcar mais um para o Verdão. Depois, com a substituição do colombiano, Goulart passou a jogar como centroavante, e ficou em campo até o apito final.

Pelo Galo, os gols foram de Serrato e Morato – o ex-são-paulino, aliás, mostrou ótima técnica para encobrir Weverton, anotando um lindo tento.

Com o resultado, o time comandado por Felipão vai a 18 pontos, na liderança do grupo B.

O Galo, por sua vez, fica nos 11 pontos, na vice-liderança da chave B.

O placar também ajuda diretamente o São Paulo, que está logo atrás do time de Itu em seu grupo, com 10 pontos – mas agora com um jogo a menos.

Na próxima rodada, o Palmeiras visita o Mirassol, dia 9 de março, fora de casa, às 16h30 (de Brasília).

Antes, porém, o Verdão encara o Junior-COL, dia 3 de março, em Barranquilla, pela estreia da Libertadores.

O Ituano, por sua vez, recebe o Guarani, dia 8 de março, às 21h.

O JOGO

Num Allianz Parque só meio cheio, quem chegou com perigo primeiro o Ituano: aos 10 minutos, Serraato ganhou a jogada pela esquerda e cruzou bem para Ramon, que subiu sozinho e cabeceou om enorme perigo, ao lado da meta de Weverton.

A resposta alviverde, porém, foi instantânea, e feroz.

Primeiro, Carlos Eduardo fez boa jogada na entrada da área e rolou para Bruno Henrique chegar disparando um lindo chute. Bem posicionado, o goleiro Pegorari fez grande defesa e mandou para escanteio.

Só que, na sequência do tiro de canto, a bola bateu para cá, bateu para lá e caiu nos pés de Ricardo Goulart, que não quis saber de brincadeira e estufou as redes da equipe do interior.

Primeiro gol do camisa 11 com o manto palestrino, e em sua estreia como titular!

O gol animou bastante o Verdão, que passou a controlar a partida e rapidamente chegou ao segundo tento.

Aos 20 minutos, Bruno Henrique deu linda invertida de bola para Mayke. O lateral direito cruzou na medida para Ricardo Goulart, que subiu no terceiro andar e deu um lindo cabeceio, sem qualquer chance de defesa para Pegorari.

E o camisa 11 estava mesmo a fim de jogo. Aos 33, ele deu excelente enfiada de bola para Carlos Eduardo, que conseguiu finalizar em direção ao gol, mas viu o arqueiro do Ituano defender sem problemas.

Os visitantes só voltaram a ameaçar aos 34, quando Corrêa teve oportunidade em cobrança de falta frontal. O ex-palestrino bateu forte, mas Weverton agarrou sem dar rebote.

Sem mais lances de destaque, o primeiro tempo terminou em alto astral no Allianz Parque após o serviço de som do estádio anunciar gol de Cristaldo, ex-Palmeiras e hoje no Racing-ARG, em cima do Corinthians, pela Copa Sul-Americana.

Na segunda etapa, o Verdão voltou com tudo e quase ampliou logo aos 2 minutos: Dudu recebeu pela esquerda, cortou para dentro e bateu colocado. O goleiro rival se esticou todo e conseguiu fazer linda defesa, salvando um golaço.

Quem marcou, porém, foi o Ituano. Aos 9, Morato tentou chutar, a bola desviou na zaga alviverde e acabou sobrando limpa para Serrato, que só tirou de Weverton para diminuir.

Só que não deu nem tempo dos rubro-negros comemorarem. Aos 12, Bruno Henrique fez o lançamento, Ricardo Goulart deu ótima ajeitada de peito e Borja, sozinho na pequena área, cutucou para as redes.

3º gol do colombiano na temporada, acabando com seu recente “inferno astral”.

O tento tranquilizou o Verdão, que passou então a tentar construir uma goleada. Aos 18, a equipe de Felipão quase fez mais um em lindo chute de longe de Bruno Henrique, que tirou tinta da trave.

Aos 27, porém, o Ituano chegou com perigo de novo: Corrêa, ex-Palmeiras, levantou com muito veneno na área e dois jogadores tentaram cabecear ao mesmo tempo, perdendo ótima oportunidade.

Três minutos depois, porém, o Galo diminuiu o prejuízo com um lindo gol: aos 29, Morato, ex-jogador do São Paulo, recebeu excelente enfiada de bola e deu um leve toque para encobrir Weverton, marcando um golaço.

Para evitar pressão do adversário nos minutos finais, Felipão trocou Bruno Henrique por Lucas Lima, buscando prender a bola e cadenciar mais o jogo. A estratégia deu certo, e o Palmeiras segurou a vitória até o fim.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.