Twitter RSS
Close

Chapecoense 2 x 0 Palmeiras – 25/05/2014

luciotocajardelcostafp
O jogador Tiago Luis do Chapecoense durante a partida entre Chapecoense SC e Palmeiras SP válida pela Série A do Campeonato Brasileiro 2014 no Estádio Arena Condá em Chapecó (SC), neste domingo (25). Foto: Jardel da Costa/Futura Press

Depois de uma sequência interessante de vitórias a expectativa era de pelo menos um empate.

Ainda sob o comado de Alberto Valentim (Ricardo Gareca somente assumirá após a Copa) apresentamos um futebol muito ruim, fomos derrotados e deixamos o G4. Bola pra frente e buscar uma reação na próxima rodada.

Jogo válido pela 7ª rodada do Brasileirão 2014.

Gols, melhores momentos, jogo completo.

FICHA TÉCNICA

Local: Arena Condá, Chapecó (SC)
Data: 25/05/2014, domingo
Horário: 18h30 (Brasília)
Árbitro: Emerson de Almeida Ferreira (MG)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (MG) e Celso Luiz da Silva (MG)
Assistentes adicionais: Igor Junio Benevenuto (MG) e Wanderson Alves de Sousa (MG)
Cartões amarelos: Fabiano e Nenén (Chapecoense); Wesley e Lúcio (Palmeiras)
Gols: Tiago Luis, aos 41 minutos do primeiro tempo; Dedé, a 1 minuto do segundo tempo

Chapecoense: Danilo; Fabiano, Rafael Lima, André Paulino e Neuton; Wanderson, Diones, Dedé e Nenén (Wescley); Roni (Abuda) e Tiago Luis (Fabinho Alves)
Técnico: Celso Rodrigues

Palmeiras: Fábio; Wendel, Lúcio, Marcelo Oliveira e William Matheus; Renato, Wesley e Mendieta (Felipe Menezes); Marquinhos Gabriel (Bernardo), Diogo (Patrick Vieira) e Henrique
Técnico: Alberto Valentim

Por Eduardo Luiz, da Redação PTD – 25/05/2014 – 20:23h.
Apático, Palmeiras perde e deixa o G4
Time joga muito mal e é derrotado facilmente pela Chapecoense por 2 a 0, em Chapecó.
O jogo começou com a Chapecoense melhor, criando logo aos 4 minutos uma boa chance com Tiago Luis, que finalizou por cima. Aos 5, após cobrança de escanteio, a bola bateu em Henrique e quase enganou Fábio. Só dava Chapecoense. Aos 10, já dentro da área, Tiago Luis fintou Marcelo Oliveira e bateu para fora.

O Verdão só foi reagir aos 17 minutos, quando Wesley ajeitou para Mendieta bater de canhota, para fora. Aos 21 outra assistência de Wesley, desta vez para Marquinhos Gabriel; o meia invadiu a área e soltou a bomba para boa defesa de Danilo. Aos 22 o camisa 11 resolveu tentar ele mesmo numa cobrança de falta de longe que por pouco não encobriu o goleiro, mas ele se recuperou a tempo e mandou para escanteio.

Mesmo após equilibrar a partida, o Palmeiras não deixou de sofrer alguns sustos. Aos 27 Tiago Luis enfiou para Jhonis, mas Fábio chegou antes. Aos 33 a resposta: Mendieta cobrou falta e fez Danilo trabalhar. Aos 39 outra chance para os mandantes, desta vez com Neuton, que finalizou mas parou em Fábio.

O paredão Palmeirense, porém, nada pôde fazer aos 41 minutos, quando Fabiano cruzou para Tiago Luis, sozinho, apenas empurrar para o fundo das redes: 1 a 0. Atrás no marcador, faltou tempo e criatividade ao Palmeiras para tentar o empate ainda na etapa inicial.

O segundo tempo começou com um gol relâmpago, mas para a Chapecoense. Após rebatida errada de Marcelo Oliveira, Dedé bateu colocado no canto direito de Fábio: 2 a 0. A reação de Alberto Valentim foi trocar Mendieta por Felipe Menezes. Aos 5 minutos quase saiu o gol, mas outro para a equipe catarinense; Nenén finalizou e parou em boa defesa de Fábio.

Como o time não reagiu, aos 16 minutos Valentim trocou Diogo por Patrick Vieira, mas novamente a mudança não surtiu o efeito desejado. Aos 20 minutos Felipe Menezes cobrou falta e Danilo espalmou. Na sequência Marcelo Oliveira arriscou de direita, para fora. Aos 23 a última alteração: Bernardo substituiu Marquinhos Gabriel, mas tudo continuou na mesma, ou seja, muito mal.

Com uma vantagem segura no placar, diante de um adversário entregue e aos gritos de olé, a Chapecoense passou a administrar o resultado à espera do apito final do juiz. Assim foi a primeira derrota do Palmeiras sob o comando de Alberto Valentim. O time permanece com 12 pontos, deixa o G4 e se distancia da liderança.

A tentativa de reabilitação será às 19h30 de quarta-feira (28/05), contra o Botafogo. O jogo será em Presidente Prudente.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.