Twitter RSS
Close

Palmeiras 5 x 1 Mogi Mirim – 16/01/2010

Diego Souza (d) e Léo (e) marcam os dois primeiros gols da vitória palmeirense sobre o Mogi por 5 a 1 na estreia do Paulistão. Foto: Almeida Rocha/Folha Imagem

Uma atuação de gala e muitos gols para conquistar a torcida novamente depois do frunstrante final de 2009. O time era tido como favorito ao título nacional e acabou em 5º.

O esperado reencontro do Palmeiras com seus fãs foi o melhor possível no Palestra Itália. Liderado pelo meia Diego Souza em tarde inspirada, o time comandado por Muricy Ramalho goleou o Mogi Mirim por 5 a 1 neste sábado e desta forma iniciou o Campeonato Paulista em clima de festa.

O Palestra apostou nas jogadas ensaiadas e de bola aérea e fez dois gols logo no primeiro tempo e completou a goleada na segunda etapa.

Com o triunfo, o Verdão soma seus primeiros três pontos no Estadual deste ano.

Jogo válido pela 1ª rodada do Paulistão 2010.

FICHA TÉCNICA

Estádio: Palestra Itália, São Paulo (SP)
Data/hora: 16/01/2010 – 17h (de Brasília)
Árbitro: Rodrigo Martins Cintra
Auxiliares: João Bourgalber Nobre Chaves e Luis Alexandre Nilsen
Renda/público: R$ 364.900,00/ 16.524 pagantes
Cartões amarelos: Danilo e Figueroa (Palmeiras); Baraka, Luis Márcio e Ricardo Oliveira (Mogi Mirim)
Cartão vermelho: Baraka (Mogi Mirim)
GOLS: Diego Souza, 30’/1ºT (1-0); Léo, 43’/1ºT (2-0); Geovane, 13’/2Tº (2-1); Robert, 16’/2ºT (3-1); Diego Souza, 22’/2ºT (4-1) e Cleiton Xavier, 31’/2ºT (5-1)

PALMEIRAS: Marcos, Figueroa (Wendel, 24’/2ºT), Danilo (Gualberto, 40′, 2ºT), Léo e Armero; Pierre, Márcio Araújo, Cleiton Xavier e William (Deyvid Sacconi, intervalo); Diego Souza e Roberto. Técnico. Muricy Ramalho.

MOGI MIRIM: Alex Alves, Fábio Sanchez, Flávio e Luisão; Niel, Ricardo Oliveira, Baraka, Marcelo Nascimento (Luis Mário 20′,2ºT) e Raí (Rafael Bahia 14′, 2ºT); Geovane e Nando (Zulu, intervalo). Técnico: Francisco Diá.

Palmeiras, Estadao, Folha Online, IG, ESPN, UOL

Diego Souza comanda goleada do Palmeiras em estreia no Paulista

16 jan 2010 18h54

atualizado às 19h53

Contratado a peso de ouro em 2008, Diego Souza se destacou pelo Palmeiras nas últimas temporadas e, neste sábado, mostrou que deve fazer o mesmo em 2010. Com dois gols, o meia-atacante foi o grande destaque da goleada alviverde sobre o Mogi Mirim, por 5 a 1, no Palestra Itália, na estreia da equipe no Campeonato Paulista. Robert, Cleiton Xavier e o estreante Léo completaram o placar.

Com o triunfo, o time do técnico Muricy Ramalho soma seus primeiros três pontos no Estadual deste ano – lembrando que, em 2009, a equipe então dirigida por Vanderlei Luxemburgo fez a melhor campanha da fase de classificação. Já o Mogi Mirim, com o atual elenco, mostrou que deve brigar mesmo para se manter na elite do Paulista.

A diferença de qualidade dos dois elencos, aliás, foi evidente durante todo o confronto. Talvez por isso, o Palmeiras apostou nas jogadas ensaiadas e de bola aérea e fez dois gols logo no primeiro tempo: Diego Souza abriu o placar aos 29min, de cabeça, e Léo recebeu um belo passe de Cleiton Xavier, após cobrança de falta, para marcar aos 43min.

No segundo tempo, o Mogi Mirim buscou o gol de honra e o fez aos 12min, com Geovane, que aproveitou uma falha de marcação de Armero para marcar. O que poderia ser uma reação dos visitantes, porém, passou longe: Robert fez 3 a 1 para o Palmeiras aos 17min, em uma disputa pelo alto com o goleiro Alex Alves.

Ainda deu tempo, porém, para Diego Souza se destacar ainda mais na partida. O camisa 7 fez o quarto tento palmeirense aos 22min, em jogada individual, e sofreu o pênalti convertido por Cleiton Xavier, aos 31min.

Na próxima quinta-feira, o Palmeiras volta a campo pelo Paulista para encarar o Barueri, às 21h (de Brasília), em Presidente Prudente. Já o Mogi Mirim buscará a reabilitação contra o Rio Branco, no mesmo dia, só que às 19h30, em casa.

Ficha técnica:

Gols
Palmeiras: Diego Souza e Léo, aos 29min e aos 43min do 1º tempo, e Robert, Diego Souza e Cleiton Xavier, aos 17min, 22min e aos 31min do 2º tempo
Mogi Mirim: Geovane, aos 12min do 2º tempo

Polêmicas
– Depois do fracasso na reta final do Campeonato Brasileiro de 2009, quando perdeu até a vaga na Libertadores deste ano, jogadores e comissão técnica do Palmeiras reencontraram os torcedores alviverdes

– Quando o placar apontava 4 a 1 para o Palmeiras, Diego Souza e Luizão se enrolaram dentro da área do Mogi Mirim e, quando a bola já estava longe, o juiz marcou pênalti sobre o palmeirense, alegando que ele foi atingido pelo braço do adversário

Lances bizarros
Na ânsia em mostrar serviço, Deyvid Sacconi recebeu de Robert sozinho na área, aos 7min do segundo tempo, mas pegou muito mal na bola e mandou longe do gol

Ponto Forte do Palmeiras
Bolas alçadas à área e cobranças de falta ensaiadas

Ponto Forte do Mogi Mirim
Busca por pelo menos um gol sobre o Palmeiras

Ponto Fraco do Palmeiras
Falha de Armero no gol do Mogi Mirim, quando o lateral deixou o adversário livre para marcar

Ponto Fraco do Mogi Mirim
Excesso de faltas e liberdade dada aos homens de frente do Palmeiras

Personagem do jogo
Diego Souza, autor das principais jogadas ofensivas do Palmeiras

Esquema Tático Palmeiras
4-4-2
Marcos; Figueroa (Wendel), Danilo (Gualberto), Léo e Armero; Pierre, Márcio Araújo, Cleiton Xavier e William (Deyvid Sacconi); Diego Souza e Robert. Técnico: Muricy Ramalho

Esquema Tático Mogi Mirim
3-5-2
Alex Alves; Fábio Sanchez, Flávio Boaventura e Luizão; Niel, Baraka, Ricardo Oliveira, Marcelo Nascimento (Luis Mário) e Rai (Rafael); Geovane e Nando (Zulu). Técnico: Francisco Diá

Cartões Amarelos
Palmeiras: Figueroa e Danilo
Mogi Mirim: Niel, Ricardo Oliveira e Luis Mário

Cartões Vermelhos
Palmeiras:
Mogi Mirim: Baraka

Árbitro
Rodrigo Cintra

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.