Twitter RSS
Close

Palmeiras 2 x 0 Vitória – 25/09/2014

07henriqueapontaceusfriedemannvogelgetty
Foto: Friedemann Vogel / Getty Images

Depois do vexame da rodada passada voltamos a campo para juntar os cacos e tentar uma reação. E funcionou.

Contra um adversário bastante ruim e com uma postura mais digna propomos o jogo e saímos com os 3 pontos.

A vitória nos deixa a 1 ponto da zona da salvação, isto é, o 16º lugar.

Jogo válido pela 24ª rodada do Brasileirão 2014.

Gols, melhores momentos.

FICHA TÉCNICA

Local: Pacaembu, São Paulo (SP)
Data: 25/09/2014, quinta-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (Fifa-GO)
Assistentes: Cristhian Passos Sorence e Bruno Raphael Pires (ambos de GO)
Público: 14.907 pagantes
Renda: R$ 325.605,00
Cartões amarelos: Nathan e Juninho (Palmeiras); Juan, Richarlyson, Mansur e Luis Aguiar (Vitória)
Gols: Lúcio aos 25 minutos do primeiro tempo e Henrique, aos 16 do segundo

Palmeiras: Deola; João Pedro, Lúcio, Nathan e Juninho; Renato, Victor Luis, Mazinho (Bernardo), Valdivia (Bruno César) e Cristaldo (Patrick Vieira); Henrique
Técnico: Dorival Júnior

Vitória: Gatito Fernández; Nino, Roger Carvalho, Kadu e Juan (Willie); Adriano, Richarlyson (Richarlyson), Cáceres e Marcinho; Dinei e William Henrique (Luis Aguiar)
Técnico: Ney Franco

Por Eduardo Luiz, da Redação PTD – 25/09/2014 – 21:14h.
Verdão vence e segue vivo no Brasileirão
Com gols de Lúcio e Henrique, Palmeiras faz 2 a 0 no Vitória e fica a um ponto de deixar zona da degola.

Com uma formação esquisita (Victor Luis de volante e Mazinho de titular), o Palmeiras iniciou o jogo mal, sendo facilmente anulado pela marcação do Vitória. A primeira investida demorou 10 minutos para acontecer, e foi de longe, num chute de Renato que passou perto do travessão.

Aos 11 minutos um susto: Valdivia errou um passe, os visitantes armaram rápido contra-ataque que terminou com William Henrique sendo bloqueado por João Pedro. Dez minutos depois Marcinho arriscou de longe e fez Deola trabalhar. As duas jogadas enfim fizeram o Verdão acordar.

Com Victor Luis executando bem as bolas paradas, o time do técnico Dorival Júnior passou a incomodar o Vitória. Aos 23 minutos o lateral/volante cobrou um escanteio, a bola sobrou para Lúcio fuzilar, mas Dinei se atirou na bola e salvou. Aos 24 Mazinho tabelou com Valdivia e bateu, aí foi a vez de Roger Carvalho bloquear.

No escanteio o gol saiu. Victor Luis cobrou na cabeça de Lúcio, que livre de marcação mandou no canto esquerdo do goleiro: 1 a 0. A frente no placar, o Verdão optou por diminuir o ritmo, e aos 28 minutos quase sofreu um empate após lambança do meio-campo; Renato perdeu a bola, Dinei ajeitou para William Henrique surgir livre na cara de Deola, mas ele isolou, para alívio dos mais de 16 mil Palmeirenses presentes ao Pacaembu.

Aos 38 minutos o Palmeiras voltou a tentar o segundo gol. Mazinho fez boa jogada e tocou para Cristaldo, que finalizou; a bola desviou e sobrou para Henrique, que estava impedido. Aos 42 Victor Luis experimentou da entrada da área, para fora.

Nos minutos finais mais duas boas oportunidades foram criadas. Aos 42 Lúcio inverteu de papel com Valdivia e serviu o camisa 10, que em posição duvidosa chutou para fora. Aos 46 Victor Luis cobrou novo escanteio, Renato subiu com um zagueiro e desviou de cabeça; a bola passou perto da trave e saiu. Pouco depois o árbitro encerrou o movimentado primeiro tempo.

Na etapa final o Vitória voltou tentando tomar a iniciativa. Aos 6 minutos Richarlyson cobrou lateral, a defesa vacilou e a bola sobrou para Juan girar e chutar, mas Deola estava atento. No lance seguinte o Verdão puxou contra-ataque e quase fez o segundo. Mazinho cruzou para Cristaldo finalizar, a defesa bloqueou e a bola sobrou para Juninho chutar em cima do goleiro.

Aos 7 minutos Mazinho voltou a imprimir velocidade e sofreu falta dura, tendo de ser substituído por Bernardo. Aos 15 Marcinho cobrou falta perto da área, a bola desviou na barreira e a defesa Palmeirense afastou o perigo. No minuto seguinte o Palmeiras chegou ao segundo gol. E foi um golaço. Valdivia enfiou para Cristaldo, que rolou para Bernardo; o ex-vascaíno poderia ter chutado, mas serviu Henrique, que só conferiu: 2 a 0.

Mais tranquilo em campo, o Verdão poderia ter ampliado aos 19 minutos após bicão da defesa que Henrique acompanhou e chutou de primeira, por cima. Aos 26 Valdivia tocou para Cristaldo e o atacante argentino finalizou fraco, nas mãos do goleiro.

O Vitória só voltou a incomodar a meta de Deola aos 28 minutos, e quase foi fatal. Após cruzamento da esquerda Juninho não conseguiu afastar e a bola sobrou para Marcinho, sozinho, bater para fora.

Para administrar o resultado, aos 29 minutos o técnico Dorival Júnior trocou Cristaldo por Patrick Vieira e aos 33 Valdivia saiu para Bruno César entrar. Ambos saíram muito aplaudidos pela torcida. Nos minutos finais o Verdão conseguiu ficar com a posse de bola e só não marcou mais um aos 42 com o garoto João Pedro graças a uma boa defesa de Gatito Fernandez.

Com a vitória o Palmeiras vai a 25 pontos e ganha três posições na classificação. O time só não saiu da zona de rebaixamento porque o Botafogo também venceu na rodada, a exemplo de Chapecoense e Bahia.

Domingo (28/09) o Verdão enfrenta o Figueirense em Santa Catarina. O jogo será às 18h30. Juninho, suspenso, será o desfalque.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.