Twitter RSS
Close

Internacional de Limeira 3 x 5 Palmeiras – 19/01/2005

SP – CAMPEONATO PAULISTA 2005 – ESPORTES – Diego Souza (e) e Marcel comemorando gol durante jogo entre Inter de Limeira x Palmeiras – Estadio Limeirao – Limeira – SP – Brasil – Foto Marcelo Ferrelli/Gazeta Press – 19/01/2005

A partida de estréia do Campeonato Paulista de 2005 foi recheada de gols e emoção. Na tarde desta quarta-feira, o Palmeiras goleou e conquistou seus três primeiros pontos na competição estadual.

Mesmo sem poder contar com todos os reforços para a temporada deste ano, o alviverde foi superior ao time de Limeira na maior parte do tempo – apesar de ter cedido a virada depois de estar vencendo por 2 a 0.

Jogo válido pela 1ª rodada do Paulistão 2005.

FICHA TÉCNICA

Local: Estádio Major José Levi Sobrinho, em Limeira (SP)
Árbitro: Wilson Luiz Seneme
Assistentes: Ana Paula Oliveira e Maria Eliza Barbosa
Cartões amarelos: Fábio Recife (I), Laerte (I), Gabriel (P), Emerson (I), Gil Baiano (I), Marcel (P), Alexandre Salles (I)
Gols: Marcel, aos 8min, Ricardinho, aos 25min, Alexandre Salles, de pênalti, aos 41min, e Izaias, aos 46min do primeiro tempo; Alexandre Salles, de pênalti, aos 4min, Lúcio, aos 15min, Marcel, aos 20min, e Diego Souza, aos 28min do segundo tempo

INTER DE LIMEIRA
Marcelo Cruz; Cláudio, Emerson, Laerte e Júlio César; Fábio Recife (Fabiano Negreiros), Marciel, Gil Baiano (Canela) e Alexandre Salles; Izaías e Rafael Marques
Técnico: Alexandre Gama

PALMEIRAS
Sérgio; Bruno, Gabriel, Gláuber e Lúcio; Alceu, Claudecir, Correa e Diego Souza (Léo); Marcel (Nen) e Ricardinho (Osmar)
Técnico: Estevam Soares

Gols, UOL.

19/01/2005 – 17h22

Palmeiras goleia na estréia do Paulistão

MBPress
Em São Paulo

A partida de estréia do Campeonato Paulista de 2005 foi recheada de gols e emoção. Na tarde desta quarta-feira, o Palmeiras goleou a Inter de Limeira por 5 a 3, no estádio Major José Levi Sobrinho, no interior de São Paulo, e conquistou seus três primeiros pontos na competição estadual.

O triunfo, porém, não foi o único motivo de comemoração para os palmeirenses. Durante a partida, o volante Magrão anunciou, por intermédio de sua assessoria de imprensa, que desistiu de se transferir para o FC Moscou, da Rússia. Assim que soube da novidade, o técnico Estevam Soares cerrou os punhos e comemorou como se fosse um gol.

Mesmo sem poder contar com todos os reforços para a temporada deste ano, o alviverde foi superior ao time de Limeira na maior parte do tempo – apesar de ter cedido a virada depois de estar vencendo por 2 a 0.

Um dos destaques da boa vitória do Palmeiras foi o atacante Marcel, que, além de dar uma assistência, marcou dois gols. Sua estréia com a camisa alviverde – ele foi contratado do Paraná – só não foi melhor porque ele deixou o campo machucado.

Do lado da Inter de Limeira, o técnico Alexandre Gama percebeu que terá muito trabalho pela frente. Apesar do time ter conseguido uma boa reação no final da primeira etapa e no começo da segunda, a defesa do alvinegro apresentou muitos problemas no seu retorno à elite do futebol paulista – o time conquistou a série-A no ano passado.

Na próxima rodada, ambas as equipes jogam no domingo, dia 23. O Palmeira enfrenta o Santo André, às 16h, no estádio do Parque Antártica. A Inter de Limeira, por sua vez, duela com a Portuguesa Santista, às 17h, no estádio Ulrico Mursa, em Santos.

O jogo
Depois da solenidade de estréia do Campeonato Paulista e da execução do hino nacional, Inter de Limeira e Palmeiras deram o pontapé inicial na competição estadual na tarde desta quarta-feira, no interior de São Paulo.

Foi o time visitante, porém, que criou a primeira oportunidade de gol do certame. Logo no primeiro minuto da partida, o atacante Ricardinho deu um passe para o meia Diego Souza, que chutou cruzado da entrada da área. O goleiro Marcelo Cruz defendeu com facilidade.

Sem conseguir chegar à área adversária, a Inter de Limeira resolveu arriscar com chutes de longa distância. E quase deu certo. Aos 3min, o meia Alexandre Salles avançou com a bola e chutou forte. Desatento, o goleiro Sérgio queimou roupa e a bola saiu pela linha de fundo. Na cobrança do escanteio, o zagueiro Emerson cabeceou por cima do gol.

Apesar do susto, o time do Parque Antártica continuou com o controle da partida. Tanto que aos 8min abriu o placar. Após passe de Diego Souza, o lateral-direito Bruno cruzou e o atacante Marcel acertou um belo chute no canto direito do goleiro da Inter.

O gol desestabilizou a equipe do interior, que ficou ainda mais desorganizada no setor defensivo. Aos 21min, por exemplo, Ricardinho recebeu, em posição irregular, entre a zaga, avançou com a bola, mas chutou em cima de Marcelo Cruz.

Na próxima vez que chegou ao gol do rival, porém, o Palmeiras chegou ao seu segundo gol. Aos 25min, Marcel dá um belo lançamento para Ricardinho, que, de novo, chuta em cima do goleiro. Só que desta vez ele conseguiu pegar o rebote, se livrou da marcação e tocou para o gol vazio.

Aproveitando o cansaço dos jogadores alviverdes após os 30min, o time de Limeira começou a pressionar. Só que o primeiro gol alvinegro foi consequência de uma lance duvidoso aos 40min. Após cruzamento da direita, o juiz marcou pênalti de Gabriel em cima de Rafael Marques. Na cobrança, aos 41min, Alexandre Salles marcou.

O gol animou os jogadores da Inter de Limeira, que conquistou o empate ainda na etapa inicial. Aos 46min, o lateral-esquerdo Júlio César fez boa jogada pela esquerda e cruzou. Rafael cabeceou na trave e, no rebote, o atacante Izaias empurou para as redes.

No segundo tempo, ambas as equipes voltaram com a mesma formação. Só que desta vez a etapa começou em ritmo ainda mais acelerado do que no primeiro tempo.

Empolgada com o empate no final do primeiro tempo, a Inter conquistou a virada logo aos 4min, em mais uma cobrança de pênalti do meia Alexandre Salles. Como na penalidade anterior, a marcação do árbitro Wilson Luiz Seneme foi duvidosa.

O Palmeiras tentou dar o troco um minuto depois, mas parou na excelente defesa de Marcelo Cruz, que desviou para escanteio cobrança de falta do volante Correa.

O empate do time alviverde, no entanto, não demorou a acontecer. Mas foi “meio” sem querer. Aos 15min, o lateral-esquerdo Lúcio tabelou com Claudecir e na hora de cruzar acertou o gol.

Aproveitando que a Inter de Limeira não assimilou bem o gol de empate e voltou a ficar desorganizada em campo, o alviverde voltou a ficar em vantagem no placar. Aos 20min, o atacante Marcel aproveitou o rebote do goleiro Marcelo Cruz e chutou, de primeira, de fora da área. Foi o segundo gol do estreante palmeirense, que foi contratado do Paraná Clube.

E foi o próprio Marcel quem deu o passe para o quinto gol do Palmeiras. Aos 28min, o atacante deixou Diego Souza na cara do gol. O meia tocou no canto esquerdo na saída do goleiro Marcelo Cruz.

Com boa vantagem no placar, o Palmeiras apenas administrou a posse de bola e esperou o apito final do árbitro.

INTER DE LIMEIRA
Marcelo Cruz; Cláudio, Emerson, Laerte e Júlio César; Fábio Recife (Fabiano Negreiros), Marciel, Gil Baiano (Canela) e Alexandre Salles; Izaías e Rafael Marques
Técnico: Alexandre Gama

PALMEIRAS
Sérgio; Bruno, Gabriel, Gláuber e Lúcio; Alceu, Claudecir, Correa e Diego Souza (Léo); Marcel (Nen) e Ricardinho (Osmar)
Técnico: Estevam Soares

Local: estádio Major José Levi Sobrinho, em Limeira (SP)
Árbitro: Wilson Luiz Seneme
Assistentes: Ana Paula Oliveira e Maria Eliza Barbosa
Cartões amarelos: Fábio Recife (I), Laerte (I), Gabriel (P), Emerson (I), Gil Baiano (I), Marcel (P), Alexandre Salles (I)
Gols: Marcel, aos 8min, Ricardinho, aos 25min, Alexandre Salles, de pênalti, aos 41min, e Izaias, aos 46min do primeiro tempo; Alexandre Salles, de pênalti, aos 4min, Lúcio, aos 15min, Marcel, aos 20min, e Diego Souza, aos 28min do segundo tempo

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.